Correspondente VT 004: Sonhos

Precisamos nutrir nossos sonhos para que eles cresçam junto com a gente, sempre maiores e melhores.

nome da coluna digitado em máquina de escrever

Aperte o play para ouvir ou, para fazer o download, basta clicar na seta para baixo que está ao lado do título do episódio no player.

Acompanhe os podcasts do VT

Amadurecendo Sonhos

Desde que me lembro, meu maior sonho sempre foi “ir para a Disney”. Durante o Ensino Médio, meu maior desejo era fazer um ano de High School em outro país. Na faculdade, primeiro quis fazer um intercâmbio de 4 meses em Londres ou Toronto. Depois, almejei participar de um desses programas estilo Work & Travel, em que você trabalha em um hotel ou estação de esqui lá nos Estados Unidos.

Hoje percebo que o que eu queria mesmo era conhecer o mundo. Eu só não sabia expressar o meu intuito dessa maneira. Daí essa vontade ter crescido junto comigo, tomando novas formas à medida que eu amadurecia. Nutrir um sonho assim por tantos anos teve o seu resultado: depois de 5 anos estudando inglês com a garra que só conhece quem já correu atrás de um grande objetivo, e após muito esforço para juntar economias, obtive como recompensa a tão sonhada viagem. Morei no Canadá por 1 ano, onde atuei na área de RH de uma grande multinacional.

A experiência foi um divisor de águas em minha vida profissional e pessoal. Não tenho dúvidas de que mesmo para meus netos terei histórias ainda inéditas para contar. Como o que senti quando vi a neve pela primeira vez, a viagem no tempo de andar em um trem a vapor, a rotina puxada de conference calls bem cedinho por conta do fuso da Malásia e a sempre delicada cortesia do canadense.

E pensar que tudo começou com o desejo de ir a “um mundo mágico que há décadas vem encantando gerações e gerações”. Talvez tenha sido essa magia que manteve o sonho vivo por tantos anos, até que um dia ele se realizou. Essa compreensão só me faz perceber o quão é importante nutrir os seus sonhos para que eles que cresçam junto com você, sempre maiores e melhores.

Ainda hoje guardo com carinho o velho sonho de “ir para a Disney”. Mas já não quero ir sozinha: levarei os meus filhos comigo! E assim mais uma vez vejo o meu sonho ganhar novas possibilidades…

Cíntia Reinaux para o Vida de Trainee.

 

O Correspondente VT é publicado semanalmente às quintas-feiras.

Comente!