Novidade!

Receba vagas no seu perfil por e-mail

VT Indica: 12 Livros para Ler em 2014

15.01.2014 | em VT Indica

indicacoes-livros-leituras-2014Olá, pessoal!

Na semana passada eu recomendei 10 livros lidos em 2013. Hoje, a ideia é compartilhar com vocês alguns dos livros que eu pretendo ler em 2014.

Eu achei que seria interessante fechar em 12 obras porque assim, se alguém quiser seguir as sugestões, já terá uma leitura garantida para cada mês do ano.

A lista está distribuída em 4 grupos: Carreira, Biografias, Ficção e textos curtos. Confiram!

 

12 Livros para Ler em 2014

 

3 livros sobre Carreira

 

Faça Acontecer, de Sheryl Sandberg

Leitura obrigatória para as “meninas” e para os rapazes que tiverem a pretensão de revolucionar o mundo corporativo. Nele, a chefe operacional do Facebook (e uma das 10 mulheres mais poderosas do mundo) analisa os motivos que fazem com que as mulheres ainda tenham uma participação tão pequena nos cargos executivos das empresas, ao mesmo tempo que reflete sobre os erros e acertos da própria carreira.

 

Desenvolva sua Verdadeira Vocação, de Marcus Buckingham

Este livro é do mesmo autor do clássico “Descubra seus Pontos Fortes” (de que falarei em breve), o que por si só já é uma boa razão para ser lido. Além disso, trata-se de um excelente ponto de partida para quem quer planejar a carreira e não sabe por onde começar.

 

O Poder do Hábito, de Charles Duhigg

Esse foi indicação da leitora Jennifer Alencar. Escrito por um repórter investigativo do New York Times (= texto bem escrito), o resultado da pesquisa explica como os hábitos funcionam e como podem transformar as vidas e o trabalho das pessoas.

 

3 Biografias (Não-ficção)

 

Eu Sou Malala, por Malala Yousafzai e Christina Lamb

Eu amo ler livros sobre a “História do Mundo”. No entanto, para realmente capturarmos um momento histórico, às vezes é necessário nos colocarmos “na pele” de um personagem, como quando lemos “O Diário de Anne Frank” para tentar entender o horror da Segunda Guerra e o holocausto. E é exatamente por isso que precisamos conhecer Malala, de quem já falei aqui no blog.

 

Steve Jobs – A Biografia, por Walter Isaacson

Quem assistiu em 2013 ao filme “Jobs”, com Ashton Kutcher, pode ter ficado um pouco decepcionado. O melhor mesmo é esquecer a película e mergulhar nas mais de 600 páginas dessa bio para conhecer o homem por trás da lenda. Indicação do leitor Jefferson Barros.

 

Sonho Grande, por Cristiane Correa

Esse é mandatório para quem sonha em ser trainee da Ambev, pois traz a história e a visão de seus “donos”. Também é recomendado para aqueles que quiserem entender melhor o que é essa tal de “meritocracia” que tanta empresa diz fazer parte de sua cultura. Ou ainda para qualquer um interessado em saber como se constrói um império.

 

3 Ficções (Romances)

 

O Círculo, de Dave Eggers

“Segredos são mentiras”. Eleito no meio especializado como um dos melhores livros de 2013, a obra mostra o que pode acontecer se grandes corporações como o Google e o Facebook se unirem para “dominar o mundo”, sem que a gente sequer se dê conta disso. Vale conferir a excelente resenha do Pedro Burgos, do Oene, Quando o Círculo se Fecha.

Observação: O livro ainda não está disponível em português, mas a Companhia das Letras já prometeu fazer o lançamento até o segundo semestre deste ano.

 

A Menina que Roubava Livros, de Markus Zusak

É claro que, me conhecendo, não podia faltar um livro-que-vai-virar-filme na relação, não é? E já está previsto para chegar às telonas no final do mês! Dá só uma olhada no trailer.

 

Todos Nós Adorávamos Caubóis, de Carol Bensimon

A Carol é minha colunista favorita do Blog da Companhia das Letras. Esse é o seu romance mais recente. E o texto da contracapa do livro já começa assim: “Então, em uma tarde modorrenta…”. É sério, essa palavra sempre me intrigou, porque até agora eu só a tinha ouvido e utilizado uma vez. Ver essa expressão novamente e lembrar o seu significado fez o meu dia! E me convenceu a colocar esse volume na lista.

 

3 livros de Contos e Crônicas

 

A Soma de Tudo, de David Eagleman

Antes de mais nada, lembre-se: Nunca julgue um livro pela capa. Com isso em mente, leia os comentários do Wagner Brenner nos textos 40 possibilidades do que pode acontecer depois que você morrer e Subjuntivo, e só então, já convencido, reúna coragem para ir à livraria comprar o seu exemplar, apesar de sua aparência medonha.

 

“Nu, de Botas”, de Antonio Prata

Antonio Prata é um dos melhores cronistas de sua geração (leia a sua coluna na Folha). E eu simplesmente adorei a ideia de vê-lo relembrando a infância com um “olhar de criança”: “As primeiras lembranças no quintal de casa, os amigos da vila, as férias na praia, o divórcio dos pais, o cometa Halley, Bozo e os desenhos animados da tevê”. Não vejo a hora.

 

Diálogos Impossíveis, de Luís Fernando Veríssimo

Porque já faz um tempo que eu não leio Veríssimo (o filho), e ele me acompanha desde os tempos do ensino fundamental (com a coletânea O Santinho), e eu já estava com saudade.

 

Por hoje é só. Vou ficando por aqui. Mas eu queria saber o que vocês acharam da lista. Gostaram das indicações? Alguém tem mais sugestões de leituras imperdíveis? Não deixem de comentar.

Em breve, uma lista de autores para ler online.

Até a próxima e um ano de bastante leitura para todos!

Posts relacionados

Compartilhe!

Cíntia Reinaux

Cíntia Reinaux tem 32 anos e um orgulho danado de ser pernambucana. Há 7 anos dedica uma parte de seu tempo para preparar jovens para o mercado, por meio do Vida de Traine e de seu trabalho como coach e mentora de carreira.

Twitter - Facebook - Google Plus - Linked In - RSS
Mais recentes » « Mais antigos

Deixe seu feedback!