Novidade!

Receba vagas no seu perfil por e-mail

Você já aderiu ao novo acordo ortográfico?

04.01.2013 | em Carreira

nova-ortografia

Tenho muito orgulho do meu avô. Aposentado há 30 anos, nunca parou de trabalhar. Ao longo da vida, viu o mundo se reinventar, cada vez mais apressado. E hoje eu fico muito contente por ele ter aprendido a enviar e-mails e a usar o Internet Banking, apesar de suas limitações tecnológicas.

É por isso que eu compreendo a relutância dele em aceitar as novas regras da ortografia. Acho que todos nós temos um pouco de resistência, não é mesmo?

O detalhe nesse caso é que as normas que ele insiste em descumprir são aquelas adotadas ainda na Reforma Ortográfica de 1971. Não é de se admirar: na época em que essa mudança entrou em vigor, ele já contava mais de 40 anos!

Assim, ler textos escritos por meu avô é como fazer uma viagem no tempo. Sinto-me como se estivesse lendo um velho exemplar de uma biblioteca, onde os acentos circunflexos em palavras como êste e êle nunca deixaram de existir.

E é nesse instante que me vejo imaginando se os meus netos terão a mesma sensação de estranhamento ao se deparar com a minha escrita pré-acordo-ortográfico. Parece que, pelo visto, o jeito será aderir de uma vez por todas às mudanças propostas.

Eu sei que, para muitos, se já foi chato o suficiente ter que decorar regras de gramática na escola, depois de “adulto” então será insuportável.

Mas o que eu gostaria de dizer neste artigo é que vale a pena fazer esse esforço. Seja para dar orgulho aos netos, seja para ter um diferencial em um mercado de trabalho repleto de profissionais avessos a mudanças.

Como sabem, a obrigatoriedade do novo acordo foi adiada para 2016. Portanto, temos até as Olimpíadas do Rio para nos adaptar. Mas isso não significa que devemos nos acomodar. O melhor é começar a se acostumar e a praticar o quanto antes.

Não é tão difícil. Em uma rápida pesquisa, é possível encontrar diversos manuais, como o Guia Prático do Michaelis.

Para dar uma força, confiram na imagem abaixo a dica que preparei especialmente para os leitores do Vida de Trainee.

dica-nova-ortografia-plateia-heróis

Compartilhe!

Cíntia Reinaux

Cíntia Reinaux tem 32 anos e um orgulho danado de ser pernambucana. Há 7 anos dedica uma parte de seu tempo para preparar jovens para o mercado, por meio do Vida de Traine e de seu trabalho como coach e mentora de carreira.

Twitter - Facebook - Google Plus - Linked In - RSS
Mais recentes » « Mais antigos

Deixe seu feedback!

  • Se ela mete-se o aborto ortográfico num sitio que eu cá sei, não envergonhava os avós.